Acontece UNEF

Evento de acolhimento recepciona novos estagiários do INCARDIO

Aconteceu, na tarde desta quarta-feira (12), no Auditório 1 da Faculdade Nobre, mais um evento de acolhimento dos alunos da UNEF e da FAN que farão parte do programa de estágio do INCARDIO – Instituto Nobre de Cardiologia neste semestre que se inicia.

Conduzido pela coordenadora de Enfermagem do INCARDIO, Deise Freitas Casaes, o evento lotou o espaço do auditório e pôde instruir os estudantes nessa nova etapa tão importante para a graduação, que é justamente o estágio.

A coordenadora cita a importância da prática do estágio em hospital para os alunos que cursam Saúde. “O estágio hospitalar faz com que o estudante coloque em prática todo o conhecimento que agregou durante o curso, e preste uma assistência de qualidade, para que possa concluir a graduação como um profissional capacitado, que é o objetivo da instituição. O INCARDIO faz parte do Grupo Nobre, então é uma estratégia de fortalecer ainda mais o processo educacional”, disse.

Deise Freitas comenta, ainda, a forma com que os estudantes reagem ao processo de estágio. Segundo ela, o fato de o INCARDIO fazer parte do Grupo Nobre deixa os estagiários mais seguros. “Nós somos um hospital, ou seja, os estagiários têm todas as práticas dentro do ambiente hospitalar, praticam e vivenciam o processo de aprendizagem. É bem tranquilo, eles gostam muito do programa. Como o INCARDIO é do Grupo Nobre, os estagiários se sentem mais seguros”, ressaltou.

De acordo com os relatos da coordenadora, o número de estagiários acolhidos semestralmente pelo INCARDIO varia entre 50 e 60. Ela lembra também de quais cursos são esses estudantes. “Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição, Psicologia, dentre outros”, citou.

Cursando o 9º período do curso de Biomedicina da UNEF, a estudante Carolina dará início ao estágio em Perfusão Extracorpórea no INCARDIO. Ela conta quais são as suas expectativas para o novo desafio. “Só a UNEF proporciona isso. Minhas expectativas giram em torno de adquirir mais conhecimento e associar a teoria com a prática”, findou.

O evento de acolhimento acontece há dois anos. Entretanto, o programa de estágio tem mais tempo. “Os estágios já são realizados desde 2013, desde que o INCARDIO foi criado”, concluiu a coordenadora Deise Casaes.

Conecte-se com a UNEF

UNEF